Alopecia areata pode ser desencadeada por fatores emocionais

Alopecia areata pode ser desencadeada por fatores emocionais
A alopecia areata é uma doença autoimune que causa queda de cabelos, mas qualquer pessoa pode ter após uma crise emocional, por exemplo. A forma mais comum da doença é a localizada, com pequenas falhas, e mais raramente a que se espalha pela cabeça, por isso é importante procurar um especialista assim que as falhas aparecem, segundo o médico dermatologista Marcelo Arnone, da Divisão de Dermatologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

 

A boa notícia é que existe tratamento para a alopecia areata, seja ela crônica ou transitória. Outro ponto positivo é que a doença pode ser tratada no serviço público e não apenas nos consultórios particulares. Marcelo Arnone ressalta que, por ser uma doença de pele, que mexe com a aparência de seus pacientes, muitas vezes afeta a pessoa de forma negativa, trazendo problemas psicológicos.  A alopecia não é contagiosa, é uma doença inflamatória, e fatores emocionais podem desencadear esse distúrbio. A queda acentuada de fios de cabelo pode estar relacionada a vários fatores, como emocionais, condições  inflamatórias e doenças autoimunes. A alopecia, em geral, pode afetar  ambos os sexos, mas é mais  frequente nos homens. O risco de desenvolver a doença é de 2%. A doença pode se manifestar em qualquer faixa de idade. O diagnóstico é feito pelo dermatologista de forma clínica, ou seja, sem necessidade de exames ou biópsias.

Por 

FONTE: Jornal da USP